Seja bem vindo ao Celeiro do Norte, Sinop/MT, 22/07/2018
11 de Janeiro de 2018 - 16:44
AGRICULTURA
Conab: Produção de grãos na safra 2017/2018 deve ser de 227,95 milhões de toneladas

A produção de grãos da safra 2017/18 pode atingir a 227,95 milhões de toneladas, representando um recuo de 4,1% em relação à safra passada 2016/2017 (recorde de 237,7 milhões de t). A área total de plantio, no entanto, deve registrar um crescimento de 1,1%, atingindo 61,53 milhões de hectares. Os dados fazem parte do quarto levantamento de intenção de plantio, da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado nesta quinta-feira (11/1).



Com o plantio das principais culturas já encerrado, soja e milho se confirmam como preferência do produtor, respondendo por quase 90% dos grãos produzidos no País, diz a Conab. Para a soja, a previsão é de colheita de 110,4 milhões de toneladas, queda de 3,2% ante a safra passada (114,1 milhões de t). No caso do milho total, a expectativa de redução de 5,6%, de 97,8 milhões de toneladas em 2016/2017 para 92,3 milhões no atual ciclo. A primeira safra, com números menores nesta fase, pode ficar em 25,2 milhões de toneladas (queda de 17,3% ante a safra de 30,5 milhões de t em 2016/2017). A segunda safra de milho pode alcançar 67,2 milhões de toneladas, registro próximo da produção passada de 67,4 milhões de t, representando leve queda de 0,3%.


De acordo com o estudo, o algodão apresentou melhor cenário, com aumento de 11,4% na produção da pluma, totalizando 1,7 milhão de toneladas e elevação de 11,9% de área. Este aumento, junto com o da soja, favoreceu a ampliação da área total plantada. Conforme a Conab, o algodão marca números acima de 1 milhão de hectares, enquanto a soja, com maior liquidez e possibilidade de melhor rentabilidade frente a outras culturas, tende a uma elevação média de 3,2%, podendo alcançar 35 milhões de hectares. A produção de arroz deve alcançar 11,6 milhões de toneladas, queda de 5,7% em comparação com a safra anterior (12,3 milhões de t).


A primeira safra de feijão deve atingir 1,2 milhão de t (queda de 9,2% ante a safra anterior, de 1,4 milhão de t). A segunda safra da leguminosa está projetada em 1,3 milhão de toneladas (alta de 4,9%). A terceira safra de feijão está estimada em 812,4 mil toneladas (queda de 3% ante 837,7 millhões t de 2016/17). Na produtividade, levando em conta que algumas culturas ainda estão na fase de plantio, os números têm como base a sobreposição dos rendimentos apurados nas pesquisas de campo com o acompanhamento agrometeorológico e espectral, informa a Conab. A soja aponta para uma produtividade de 3.156 kg/hectare em comparação com 3.364 kh/ha da safra anterior. A pesquisa foi feita nos principais centros produtores de grãos do país, do dia 17 a 23 de dezembro.

Mais notícias

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player