Seja bem vindo ao Celeiro do Norte, Sinop/MT, 18/09/2019
10 de Setembro de 2019 - 08:48
RANKING
Procon-MT registra 3.300 reclamações; cobranças indevidas lideram em vários setores

O Procon Estadual registrou no mês de agosto 3.300 reclamações de consumidores. No Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec) foram 2.133 registros e no atendimento online, por meio da plataforma www.consumidor.gov.br, 1.167 reclamações. No Sindec, a área "Serviços Essenciais” segue na liderança do ranking com 1.097 registros. Dentro dessa área, o assunto mais reclamado ainda é “Energia Elétrica”, que fechou agosto com 481 registros. Em relação à energia, o problema mais frequente é “cobrança indevida/abusiva”, com 408 reclamações. 


Na sequência de assuntos, aparecem a área “Água/Esgoto”, com 312 registros, seguido de “Telefonia Celular”, com 190 reclamações. Nesses dois assuntos, a cobrança indevida também se mantém como problema mais frequente apresentado pelos consumidores, sendo “Água/esgoto”, com 263 e “Telefonia Celular”, com 119 reclamações de cobrança indevida. O segundo lugar do ranking é ocupado pela área "Assuntos Financeiros", que apresentou 489 reclamações, sendo: 141 registros para o assunto “Banco Comercial”, 119, para "Cartão de Crédito" e 104, para “Financeira”. A área “Serviços Privados” ficou na terceira posição, com 293 registros. No assunto “Estabelecimento comercial” foram registradas 65 reclamações; “Escola (Pré, 1º, 2º Graus e Superior)” teve 39 e “TV Por Assinatura (Cabo, Satélite, Etc.)”, 34 registros. Na quarta posição está a área “Produtos”, com 200 registros. Para o assunto “Telefone (Convencional, Celular, Interfone)” foram 22 reclamações; 10 para “Material de Escritório/Escola”, e “Internet”, 9. A área “Saúde” ocupa o quinto lugar do ranking com 33 reclamações. Em seguida aparece a área “Habitação”, com 13. A sétima e última posição do ranking é ocupada pela área "Alimentos", com 8 registros.

Mais notícias

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player