Seja bem vindo ao Celeiro do Norte, Sinop/MT, 05/06/2020
02 de Abril de 2020 - 15:49
SOCIAL
Benefícios do Governo Federal ainda não estão disponíveis esclarece assistente social de Vera

Devido à grande procura por informações em relação aos benefícios disponibilizados pelo Governo Federal a assistente social Maria Emília de Deus da Secretaria de Assistência Social de Vera concedeu uma entrevista nesta manhã (02) para esclarecer algumas dúvidas da população verense. Maria Emília começou falando sobre o horário de atendimento da Secretaria neste momento. “A Secretaria de Assistência Social está atendendo com horário reduzido de 07h às 12h, e com rodízio de servidores por conta desta pandemia do coronavírus. Então fomos orientados pelo estado a seguir algumas orientações, para proteção dos usuários e também dos nossos servidores. Estamos tentando seguir todas as orientações da Secretaria Municipal e Estadual de Saúde”, destacou Maria.


Emília explicou sobre os serviços que a Assistência está realizando neste momento. “A Assistência Social está atendendo apenas os benefícios urgentes. Não estão sendo realizado os serviços diários, os grupos e os serviços normais, assim como em outros órgãos. O nosso trabalho consiste nos benefícios assistenciais e nas informações de acesso a outros serviços. Por exemplo não estamos conseguindo agendar perícias do INSS, porque o INSS também não está atendendo, ele está se limitando os atendimentos emergenciais. O INSS ainda está se organizando para esta situação e neste momento não tem como a gente agendar lá pelo CRAS e não está se fazendo Cadastro Único novo”, ressaltou.


Tem muitas pessoas preocupadas e procurando informações em relação aos benefícios do Governo Federal e em relação a isso a assistente esclareceu. “A gente ainda não tem nada de concreto em mãos. Temos as informações que a mídia tem divulgado. Até aonde temos acompanhado o Governo fez um projeto de lei que vai beneficiar milhões de pessoas, com tudo ainda vai fazer um decreto. Este decreto ainda não chegou para nós e nele é que vão estar estabelecidas as regras e o calendário com as datas de quando tudo isso irá acontecer. Pelas informações que temos o primeiro lote do benefício a ser repassado será para as famílias beneficiárias do programa bolsa família que está previsto para ser disponibilizado entre o dia 10 e 16 de abril. Em um segundo momento os benefícios serão para aquelas pessoas que estão cadastradas no INSS que recebem auxílio doença. E em um terceiro momento para aquelas pessoas que são informais mais não provam que são informais. Para estas pessoas o governo abrirá um link onde elas deverão entrar e se alto declarar. Inclusive peço para as pessoas não acessem um link que está circulando no whatsapp, porque ele está sendo veiculado por pessoas que querem usar os dados cadastrais de vocês para realizar fraudes, então não acessem”, expôs a assistente social.


Ela finalizou pedindo calma e paciência para as pessoas. “As pessoas não precisam correr para ir ao CRAS ou a Caixa Econômica neste momento. Por que só vão receber as pessoas que já estavam cadastradas, que já eram beneficiárias. E as famílias neste momento precisam aguardar um posicionamento do Governo Federal para que os benefícios sejam executados. Vamos aguardar eu sei que é difícil, que tem pessoas em situação de extrema necessidade, a Assistência Social tem auxiliado no que pode, com tudo em relação ao benefício do Governo Federal precisamos aguardar. A Assistência Social vai estar informando assim que for liberado e como deve acontecer”, concluiu Maria Emília.


Dieny Vieira I Assessoria

Mais notícias

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player