Seja bem vindo ao Celeiro do Norte, Sinop/MT, 03/06/2020
06 de Abril de 2020 - 09:27
SORRISO
Professores com contratos temporários terão o pagamento mantido

Os contratos temporários de professores serão mantidos ativos e com direito à remuneração correspondente. É o que estabelece o Decreto nº 258 assinado pelo prefeito Ari Lafin em 03 de abril. O decreto suspende ainda a obrigatoriedade do registro de frequência (ponto) durante o período em que mantiver a suspensão das aulas como medida preventiva ao coronavírus (Covid-19). A secretária de Educação e Cultura, Lúcia Drechsler, pontua que será elaborado um novo calendário escolar para o cumprimento do ano letivo. “Dessa forma os servidores temporários que terão a manutenção do salário garantido nesse momento, acordam entre si a cumprir com os dias letivos e a carga horária prevista no calendário para atender a reposição/reprogramação das aulas”, explica.


De acordo com o decreto, o contratado temporário que não concordar com as orientações terão seus contratos rescindidos. “Além disso, os servidores que não realizarem a reposição dos dias de trabalho assim que o calendário for regularizado deverão efetuar a restituição dos valores recebidos”, acrescenta. “Essa foi uma forma que encontramos para auxiliar os professores com contratos temporários. Não queremos nesse momento em que todos estão preocupados com o avanço da pandemia cortar salários e contamos com a colaboração de todos no momento em que a situação for regularizada”, finaliza Lúcia.


Claudia Lazarotto I Decom

Mais notícias

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player