Seja bem vindo ao Celeiro do Norte, Sinop/MT, 10/07/2020
03 de Junho de 2020 - 16:39
VERA
Secretário de Saúde se mostra preocupado com o aumento de casos positivos e suspeitos

Na manhã desta quarta-feira (3) o boletim informativo diário do coronavírus sofreu mais uma alteração e desta vez um pouco mais preocupante. O município confirmou ao todo quatro casos positivos do covid-19 e tem 11 pessoas com a suspeita da doença. Como em todas as vezes que o boletim sofre uma alteração o secretário de Saúde Waldir Alessandro Gabriel, juntamente com a coordenadora da vigilância epidemiológica e da atenção básica de Vera Ivânia Totti Ferreira, deram uma entrevista coletiva, onde falaram das alterações do boletim, esclarecer algumas dúvidas da sociedade, pedir que a população redobre os cuidados e divulgar um número para denúncias.


O secretário falou do aumento dos números. “Estou aqui novamente para informar para toda a população de Vera que tivemos um aumento nos números do nosso boletim diário, com 11 casos de pessoas com a suspeita da doença, 4 casos positivos e 11 pessoas em isolamento. Esses aumento tanto nos casos suspeitos, quanto dos casos positivos é muito preocupante. Eu estou aqui novamente como secretário da Saúde de Vera pedindo novamente para a população, para a sociedade que se cuidem a situação está ficando grave e muito séria, nós não temos estrutura para atender a toda a demanda. Então eu peço novamente fiquem em casa só saiam se houver extrema necessidade, usem as máscaras, usem o álcool 70° em gel ou líquido, façam a higienização das mãos de forma correta e evitem procurar as unidades de saúde, só procurem em casos de extrema necessidade e evitem as aglomerações, não fiquem em filas, não participem de festas, de churrascos e de rodinhas para tomar tereré, Coca-Cola e fumar narguilé e se cuidem”, ressaltou o Waldir.


O boletim apresentou 11 pacientes que estão como casos suspeitos da doença e 11 pessoas que estão em isolamento domiciliar, o que gerou dúvidas na população se os casos eram os mesmos. Ivânia Totti explicou a diferença entre eles. “Em relação aos casos suspeitos e os casos de isolamento domiciliar quero esclarecer que não são os mesmo. Os casos suspeitos são pessoas que tiveram contato com casos positivos do covid-19, ou tiveram contato próximo com suspeitos. Esses pacientes podem apresentar sintomas ou não apresentar uma vez que temos casos assintomáticos da doença. E então estes pacientes aguardam como suspeitos até dar o período correto para realizar o exame que vai confirmar ou descartar o caso”, explicou. “Já as pessoas que estão em isolamento domiciliar são pessoas que tiveram contato com pessoas suspeitas, ou estiveram em outros estados ou municípios que apresentem muitos casos da doença. Eles também ficam em isolamento e são monitorados pelas equipes das unidades de saúde e precisam ficar em quarentena de 14 dias em isolamento”, destacou Ivânia.


No entanto tanto as pessoas com suspeitas quanto as em isolamento assinam um termo de responsabilidade de que não podem estar nas ruas, em estabelecimentos, em visitas a outras pessoas, elas precisam ficar isoladas por que no caso de terem a evolução do quadro para um positivo da doença não transmitirem a doença. A Secretária de Saúde agora tem um número de telefone específico para denúncias relacionadas à pandemia. Se você foi a um estabelecimento que não está seguindo as normas de segurança você pode denunciar. Se está tendo uma festa, um churrasco perto da sua casa e têm muitas pessoas aglomeradas você pode denunciar. Se você conhece alguém que deveria estar em isolamento e não está respeitando o próximo saindo para rua você pode e deve denunciar assim você estará se protegendo e protegendo os outros. O número da Vigilância Epidemiológica para denúncias é o 066992274221, ligue denuncie e nos ajude a cuidar de você e da sua família.


Assessoria de Imprensa

Mais notícias

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player